IMG-20200311-WA0055.jpg

Jo Mistinguett

Produção Musical, Performance, Trilha Sonora, Desenho de Som, Pesquisa Sonora, Sonoplastia

jomistinguett@gmail.com

41 996199646

Jo Mistinguett é produtora musical, performer, DJ (atuante na cena eletrônica brasileira desde 2005, tendo tocado em diversos clubs como: D-Edge (SP), Velvet (BH), Nico (CWB), etc), sonoplasta, compositora de trilhas sonoras originais, e pesquisadora de novas tecnologias, percepções e experimentações sonoras. Cursou Discotecagem e Produção Musical da Academia Internacional de Música Eletrônica de Curitiba (AIMEC) em 2005, e o Programa de Produção Musical da Omid – Academia de Áudio – SP em 2013. Desde 2007 mantém o seu projeto musical Mistinguett Live, com o qual já lançou diversos álbuns e vídeos de forma independente. Em 2012 foi professora do curso de Produção Musical na Ápex – Música e Tecnologia. Ganhadora do Prêmio London Burning em 2007 - Melhor Disco de Música Eletrônica Independente do País, indicada ao Prêmio TIM de música em 2008, e indicada ao Troféu Gralha Azul de melhor sonoplastia para o espetáculo Contos de Nanook em 2017, é co-fundadora e ex-integrante da banda feminista neo-punk Horrorosas Desprezíveis, possui a jam eletrônica Fenda Profana - Colando Estilhaços em Ruínas em parceria com a artista Gisele Dias, e o núcleo de pesquisa e ações em arte lésbica, SAPATARIA, ao lado de Daniele Cristyne e Helen Kaliski, é artista residente da Casa Selvática.

Com referências ao nosso atual contexto social e político, em agosto de 2020 lançou em diversas plataformas digitais o EP Apokalipse Now. O projeto é composto por cinco faixas e vídeos inéditos, tudo produzido, mixado, gravado e editado em casa pela multiartista. 

CURSOS

2014 – Produção musical pela OMID – Academia de Áudio (SP).

2013 – Produção Musical na ÁPEX – Música e Tecnologia

2005 – Produção musical e discotecagem pela AIMEC (Academia Internacional de Música Eletrônica de Curitiba).



PRODUÇÕES MUSICAIS (TEATRO/DANÇA/AUDIOVISUAL/PERFORMANCE/MÚSICA)


Bem-vindos à espécie humana. Companhia Brasileira de Teatro. Teatro Novelas Curitibanas - Claudete Pereira Jorge. Curitiba. 2019. Fundo Municipal de Cultura. (trilha sonora original/sonoplastia).


Dalvinha Brandão – Psicopata do Amor. Música. Lançamento online em plataformas digitais. https://www.youtube.com/watch?v=tH2BV78I3q4. 2019. (Produção musical).


A Mesa. Espetáculo de Leonarda Glück. SESC Ipiranga. São Paulo. 2019. (Trilha sonora original/sonoplastia).


Luxuosas Ficções para o Fracasso. Selvática Ações Artísticas. C58 Mostra de Coletivos. Casa Hoffmann. Curitiba, 2019. (Assessoria Sonora).


SAPATARIA no p.ARTE. Performance mútua com Fernando Ribeiro para a edição de 7 anos do p.ARTE. Curitiba, 2019.


Barbie Precipício. Solo de dança de Gal Freire. Mostra Emergente. Curitiba, 2019. (Sonoplastia).


Escambo. Espetáculo de dança de Mari Paula. Profice. Circulação. 2019. (Sonoplastia).


Mil Besos. Solo de dança de Gabriel Machado. Festival Internacional de Danza Contemporánea de Uruguay. Profice. 2019. (Trilha sonora original/sonoplastia).


Clichê – A inatingível Utopia Quebrada de todas as coisas. Espetáculo performático feito por artistas independentes. Estreou na companhia brasileira de teatro. Curitiba. 2018. (Performance/trilha sonora).


Cabaret Macchina – Uma Pós-Ópera Anti Edipiana da Casa Selvática. Espetáculo da Casa Selvática. Estreou na Mostra Oficial do Festival de Teatro de Curitiba, e deu continuidade no FIT - Festival Internacional de Teatro de São José do Rio Preto. 2018. (Trilha Sonora Original/Sonoplastia).


Pré-Santa ou Canonização. Encenação e dramaturgia de Helen Kaliski. Participou da Mostra do núcleo de Dramaturgia Sesi Paraná 2017, e do DramaturgiaS – Primeiro Encontro dos Núcleos de Dramaturgia SESI, dentro do Festival de Teatro de Curitiba, 2018. (Trilha Sonora/sonoplastia).


Quando a palavra não é mais que uma imagem dura. Curta metragem gravado em Super8 para o Festival Internacional de Cinema de Curitiba, dirigido por Thiago Benites - Caixa Cultural. 2017.

(Ambientação sonora ao vivo).


Etruska Waters em O Tombamento da Republiqueta. Curta metragem gravado em Super8 para o Festival Internacional de Cinema de Curitiba, dirigido por Thiago Benites – Caixa Cultural. 2017.

(Ambientação sonora ao vivo).


Cabaré Selvático Rock Show. Cabaré realizado pela Selvática Ações Artísticas para o evento Todos os Gêneros – Mostra de arte e diversidade. Itaú Cultural. São Paulo. 2017. (Direção musical).


A menina do rosto marcado. Espetáculo infantil da Horla Arte. Programa estadual de fomento e incentivo à cultura. Circulação estadual (PR). 2017. (Sonoplastia/ambientação sonora.)


Contos de Nanook. Setra Companhia de Teatro. Programa de apoio e incentivo à cultura de Curitiba. Teatro Cleon Jacques. Curitiba. 2017. (Desenho de som/microfonação/sonoplastia.)

https://www.youtube.com/watch?v=O-K0o_81RfU


Linda Blair entra na sala. Selvática Ações Artísticas. Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura. Circulação paranaense. 2017. (Trilha sonora original/sonoplastia.)


Burla ou como fazer um corte barato. Documentário de Giorgia Conceição. Itaú Rumos Cultural. 2017. Rio de Janeiro, Cine Jóia. (Trilha sonora original/ambientação sonora.)


Betelgeuse. Selvática Ações Artísticas. Mostra Cena Breve. Curitiba. 2017. Teatro José Maria Santos. (Sonoplastia.)


\TODAS/. Espaço Cênico. Monólogo de Helena Portela. Curitiba Mostra II. 2017. Teatro José Maria Santos. (Trilha sonora original/sonoplastia.) https://www.youtube.com/watch?v=efM2HEKBvN0


Eu se errei. Espaço Cênico. Monólogo de Rafael Camargo. Curitiba Mostra II. 2017. Teatro José Maria Santos. (Trilha sonora original).


Momo: Para Gilda com ardor. Espaço Cênico. Monólogo de Ricardo Nolasco. Curitiba Mostra II. 2017. Teatro José Maria Santos. (Trilha sonora original). https://www.youtube.com/watch?v=R8yDcQOhFSw


Para não morrer. Espaço Cênico. Monólogo de Nena Inoue. Curitiba Mostra II. 2017. Teatro José Maria Santos. (Sonoplastia.)


Cutelo Assassino. Selvática Ações Artísticas. Frete de Vedete. 2016. Ocupação do Teatro Novelas Curitibanas. (Trilha sonora original/ambientação sonora.)


Pinheiros e Precipícios. Espetáculo da Selvática Ações Artísticas, direção de Ricardo Nolasco. 2016. Ocupação do Teatro José Maria Santos. (Trilha sonora ao vivo/ambientação sonora.)

https://www.youtube.com/watch?v=AXINe5fJfjs


Toda Lágrima que Cai. Espetáculo infantil da Horla Arte, produzido por Carol Damião. 2015. Teatro Novelas Curitibanas. (Trilha sonora original.)


Perpétuo. Espetáculo da Companhia Subjétil. 2015. Mostra de Dramaturgia Encenação Sesi Teatro Guaíra. (Trilha Sonora original, execução ao vivo.)


Édipo_2: Párodo. Espetáculo de rua com direção de Darlei Fernandes. 2015. Mostra Drama_1. Teatro Novelas Curitibanas. (Pesquisa sonora e instalação sonora)


Sn50. Palestra-Performance criada em parceria com Ricardo Nolasco. 2015. Centro Cultural Banco do Brasil (SP), p.ARTE (PR). https://www.youtube.com/watch?v=tBIdd8J1Iac


La lucha. Espetáculo de dança de Gustavo Bitencourt, Léo Glück, Gabriel Machado e Lucía Naser. 2014. Prêmio Funarte Petrobrás de dança Klauss Vianna. (Trilha sonora original).


A Lagarta que Lê. Espetáculo infantil da Horla Arte. Teatro José Maria Santos. 2014. (Trilha sonora original e execução ao vivo).


Hidra de Lerna. Performace musical de Stéphano Belo. Parte do projeto Circulação de Luxo, da Selvática Ações Artísticas. Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz. 2013. (Trilha sonora original).


Iracema 236ml – O grande retorno da nação tabajara. Peça de Léo Glück. Teatro Novelas Curitibanas. 2013. (Trilha sonora original, execução ao vivo).

(https://soundcloud.com/iracema236ml)


Valsa Nº6. Peça de Léo Glück e Gustavo Bitencourt. Mostra A gosto de Nelson – Prêmio Funarte Nelson Brasil Rodrigues 100 anos do Anjo Pornográfico. Circulação Nacional. 2012. (Design de som).


Florrie - A Importância Extrema. Monólogo da Companhia Silenciosa. Teatro Novelas Curitibanas. 2011. (Trilha sonora original, execução ao vivo, direção musical).

(Preview: http://www.youtube.com/watch?v=3qnoeXwywz8,

Espetáculo Integral: http://www.youtube.com/watch?v=Hnn2xQiFTvs)


Walesa Iconográfica. Performance de Giorgia Conceição. 2011. (Trilha sonora original).

(Preview: http://vimeo.com/27250724)


Cicciolina’s Breakfast. Performance de Henrique Saidel. Mostra Cena Breve. 2011. (Sonoplastia).


El Gran Cabaret Porno – Salsichão no Boqueirão, Tainha na Prainha. Performance da Companhia Silenciosa e Erro Grupo. Itaú Cultural – Encontros de Pesquisa Rumos Teatro. 2011. (Trilha sonora original).

(Preview: http://vimeo.com/28422428)


Rebecca. Espetáculo teatral da Companhia Silenciosa. Teatro Novelas Curitibanas. 2010. (Trilha sonora original).

(Teaser: http://www.youtube.com/watch?v=ykbDH-PofR0)


Concerto Cabaret Gilda. em parceria com vários artistas a convite da CiaSenhas de Teatro. Corrente Cultural de Curitiba. 2010. (Direção musical).

(Preview: http://vimeo.com/21511288)


Se Conselho Fosse Bom Seria Ação de Classificados. Peça do Coletivo Cães Lacrimosos. Mostra Cenas Breves. Teatro Novelas Curitibanas. 2010. (Sonoplastia).


Aporias. Espetáculo de conclusão de curso dos alunos da Faculdade de Artes do Paraná. 2010. (Trilha sonora original).

(Teasers:http://www.youtube.com/watch?v=EWKZ01f4cYY, http://www.youtube.com/watch?v=Tk7oZHUU3us, http://www.youtube.com/watch?v=0sca6z2QDQ4)


O Último Canto do Bode. Grupo de Investigação Cênica Heliogábalus. 2010. (Sonoplastia).


Simpatia Full Time. Espetáculo Multimídia das artistas Cândida Monte, Giorgia Conceição e Stéphany Mattanó (Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna). 2009. (Trilha sonora original).

(Technomaravilha de Giorgia Conceição: http://vimeo.com/40404372)


Renaux View + Univali. Desfile de moda. 2009. (Trilha sonora Original). (Preview: http://www.youtube.com/watch?v=qL0yP3u8jhk)


Burlescas. Espetáculo multimídia da Companhia Silenciosa. (Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz). Circulação nacional. 2009. (Trilha sonora original, execução ao vivo, direção musical).

(Teaser: http://www.youtube.com/watch?v=0G0Oo-DN-A4)


MBL Fashion. Desfile de moda. Galeria Lúdica. 2009. (Trilha sonora original).


Audie & The Wolf. Filme em que sua música She-ra fez parte da trilha sonora. Los Angeles, EUA. 2008.

 

Curitiba - Brasil

41996199646

Formulário de Inscrição

©2020 por Jo Mistinguett.

  • YouTube
  • Facebook
  • Instagram
  • SoundCloud
  • Twitter